INVESTIMENTOS

A WFlow AAI é uma empresa credenciada à XP investimentos com foco na busca e apresentação de informações sobre os produtos oferecidos e serviços prestados pelas instituições integrantes do sistema de distribuição de títulos e valores mobiliários atuantes no mercado nacional. Possuimos uma atuação de destaque no mercado e está pronta para buscar os investimentos mais adequados a seu perfil de investidor.

INDEPENDÊNCIA FINANCEIRA

Ser independente é poder oferecer diferentes marcas e produtos para você investir. Nosso compromisso é com o cliente de forma isenta de interesses próprios e com imparcialidade.

EQUIPE

QUALIFICADA

Contamos com uma equipe de agentes altamente qualificados para atendê-lo da melhor maneira possível.

 

WFLOW

INVESTIMENTOS

Conheça todos os tipos de investimento e entenda qual deles é o mais aderente a seu perfil de investidor Renda Fixa, Multimercado ou Renda Variável.

EQUIPE

A WFlow Agente Autônomo de Investimentos é composta pelo seguinte quadro societário:

Ricardo Czapski

Hamilton Kenji Oda

Henrique Vasconcelos Melgaço
Jamil dos Reis Junior
Jean Pierre Luppi Barnier
Joel Carvalho de Figueredo
Jonathan Carletti
Jorge Hadade Filho
Josenei Antonio de Souza
Julio Cesar de Paula
Leonardo Lemos Rodrigues
Lucas Henrique Barbosa
Luiz Gustavo Rodrigues de Freitas
Marcus Vinicius Pinho de Matos
Maria de Lourdes Dalla Costa Marretto
Marisa Ogihara Greco
Michel Marc Hollander
Oswaldo Mendes Borges
Pedro Roberto Dalalio Basso
Robson de Almeida Campos
Rogério Verolez de Castilho
Sávio Tadeu de Melo
Simoni Chitarra Souza
Stefano Mallet Terlizzi
Thiago Cotta
Wagner Palma
Wanessa Vieira Guimarães
Wekslei Cordeiro Gomes

Paulo Saad

Alessandra Pinto Moreira
Ana Lucia dos Santos Arantes
André Luiz Santana Simões
Andrea Costenaro Namour
Andréia Oliveira da Silva
Bernardo Salomão Zilber
Breno de Magalhães Rosa Andrade
Bruno Felipe da Silva
Caio Peixoto de Souza
Caristhon de Azevedo
Carolina Bahia Mascarenhas
Cesar Valle Verlangieri
Cintia Rondeico de Carvalho
Claudiner Sanches Junior
Claudio bernardo junior 
Claudio Ikeda Sekiguti
David Corrêa Bueno
David Lerner
Denise Maria Czapski Simoni
Ernani Luis Bertagnoli
Ewerton Wesley Bezerra da Silva
Fabiano Ferreira Montans
Fernando Luiz Riêra Salomon
Glaucia Carillo Milani
Guilherme Cesar Cabral de Viveiros
Guilherme Cunha de Carvalho
Guilherme Pontes Basso

Gustavo de Oliveira Ferreira

 

CDB - CERTIFICADO DE DEPÓSITO BANCÁRIO


Instrumento de captação dos bancos, com objetivo de financiar suas atividades. Você empresta dinheiro aos bancos em troca de uma rentabilidade (juros). Características
• Liquidez diária após o período de carência;
• Ampla rede de bancos emissores;
• Geralmente é indexado ao DI e emitido com prazo em torno de dois anos;
• Aplicação garantida pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) para valores até R$ 250 mil*, por CPF ou CNPJ, por instituição ou conglomerado financeiro;
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).
*cobertura engloba principal e juros.




CRA - CERTIFICADO DE RECEBÍVEIS DO AGRONEGÓCIO


Os títulos do agronegócio têm como objetivo viabilizar o financiamento do setor com recursos privados.
Características
• Possibilidade de remuneração atrelada à inflação + ganho real (prêmio), vinculada ao DI ou prefixado;
• Possibilidade de estruturas com garantias (como alienação da terra e penhor da produção);
• São negociados no balcão e registrados na Cetip ou no BovespaFix;
• Isenção de IR e IOF para pessoa física no rendimento; ganho de capital tributado de acordo com a tabela regressiva de alíquota de IR*;
• Liquidez baixa;
• Destinado exclusivamente a investidores qualificados;
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).
* 22,5% até 180 dias; 20% de 181-360 dias; 17,5% de 361-720 dias; 15% mais de 720 dias.




DEBÊNTURES


Títulos de crédito emitidos por empresas de vários ramos, com o objetivo de financiar investimentos, “rolar” dívidas, fornecer capital de giro, entre outros.
Características
• Grande variedade de emissores;
• Exposição a diferentes setores como o elétrico, consumo, telecomunicações e infraestrutura, ou seja, é mais diversificação para a sua carteira de investimentos;
• São negociadas no balcão e registradas na Cetip ou no BovespaFix;
• Possibilidade de compor de várias maneiras a rentabilidade da carteira (inflação, juros, prefixada);
• Podem contar com a isenção de IR e IOF (para pessoa física) no rendimento e no ganho de capital, caso estejam enquadradas como debêntures de infraestrutura (Lei 12.431);
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).
TRATA-SE DE UMA MODALIDADE DE INVESTIMENTO QUE NÃO CONTA COM A GARANTIA DO FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITO – FGC.




DPGE - DEPÓSITO A PRAZO COM GARANTIA ESPECIAL DO FGC


É um título de Renda Fixa de depósito a prazo criado para auxiliar instituições financeiras (ex.: bancos) a captar recursos.
Características
• Remuneração: taxa pré ou pós-fixadas;
• 100% garantido pelo Fundo garantidor de Créditos (FGC) até o montante de R$20 milhões* por CPF ou CNPJ; por instituição ou conglomerado financeiro
• Baixa liquidez;
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).
*cobertura engloba principal e juros.




FIDC - FUNDO DE INVESTIMENTO EM DIREITOS CREDITÓRIOS


Fundo de investimento que destina parcela preponderante de seu patrimônio líquido para aplicação em direitos e títulos representativos de créditos (“direitos creditórios”) provenientes de operações comerciais, industriais, imobiliárias, financeiras ou de prestação de serviços, entre outras.
Características
• Rentabilidade diferenciada quando comparado a ativos com classificação de risco semelhante;
• Pode ser aberto (permitindo a entrada e saída de cotistas a qualquer tempo) ou fechado (a entrada de cotistas não é permitida após o período de captação, e a saída não é permitida antes do vencimento);
• Pode ter prazo de duração determinado (fundo fechado) ou indeterminado (fundo aberto);
• Estrutura com cotas seniores e subordinadas: cotas subordinadas só são remuneradas após as cotas seniores terem sido totalmente pagas. Caso ocorra algum evento que afete negativamente a rentabilidade do fundo, somente após a liquidação da classe de cotas subordinadas (decorrente das perdas) será possível alocar perdas adicionais às cotas seniores;
• Negociável no mercado secundário, pouca liquidez. O valor a ser obtido dependerá das condições do mercado no momento da venda;
• Destinado exclusivamente a investidores qualificados;
• Investimento mínimo inicial de R$ 25 mil;




LCA - LETRA DE CRÉDITO DO AGRONEGÓCIO


Título emitido por instituições financeiras públicas e privadas, vinculado a direitos creditórios originários do agronegócio.
Características
• Aplicações garantidas pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) para valores até R$ 250 mil¹, por CPF ou CNPJ, por instituição ou conglomerado financeiro;
• Isenção de IR e IOF para pessoa física no rendimento; ganho de capital tributado de acordo com a tabela regressiva de alíquota de IR²;
¹cobertura engloba principal e juros.
²22,5% até 180 dias; 20% de 181-360 dias; 17,5% de 361-720 dias; 15% mais de 720 dias.




LETRA DE CRÉDITO – LETRA DE CÂMBIO


Instrumento de captação das financeiras, com o objetivo de financiar suas atividades. Você empresta dinheiro às financeiras em troca de uma rentabilidade preestabelecida.
Características
• Geralmente é indexado ao DI;
• Aplicação garantida pelo Fundo Garantidor de Créditos ( FGC) para valores até R$250 mil*, por CPF ou CNPJ, por instituição ou conglomerado financeiro;
• Baixa liquidez;
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).
* cobertura engloba principal e juros.




LCI - LETRA DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO


Instrumento de captação que pode ser emitido por instituições autorizadas pelo Banco Central, com objetivo de financiar o setor imobiliário. Os créditos imobiliários são geralmente garantidos por hipoteca ou alienação fiduciária do imóvel.
Características
• Aplicações garantidas pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) para valores até R$ 250 mil¹, por CPF ou CNPJ, por instituição ou conglomerado financeiro;
• Isenção de IR para pessoa física no rendimento; ganho de capital tributado de acordo com a tabela regressiva de alíquota de IR²;
¹cobertura engloba principal e juros.
²22,5% até 180 dias; 20% de 181-360 dias; 17,5% de 361-720 dias; 15% mais de 720 dias.




LETRA FINANCEIRA


Instrumento de captação de recursos exclusivo das instituições financeiras.
Características
• Prazo mínimo de 2 anos;
• É vedado resgate total ou parcial antes do vencimento;
• Investimento mínimo de R$300 mil;
• Remuneração: taxas de juros prefixadas, combinadas ou não com taxas flutuantes ou índices de preço;
• Liquidez restrita no mercado secundário;
• Produto registrado na CETIP em nome do cliente (CPF/CNPJ).




TÍTULOS PÚBLICOS FEDERAIS


São títulos emitidos pelo Governo, por meio do Tesouro Nacional, com a finalidade de captar recursos para o financiamento da atividade pública. Em função disso, são vistos pelo mercado como de baixo risco.
Preços dos Títulos Públicos
O preço unitário, valor pelo qual são negociados os Títulos Públicos, é uma estimativa do valor a ser recebido no futuro, corrigido por uma taxa de juros determinada, que é a remuneração de quem investe.
A relação entre a taxa de juros e o preço é inversamente proporcional. Quando a taxa de juros cai, o preço sobe. Quando a taxa de juros sobe, o preço cai. E essa variação será tanto maior quanto maior for o prazo remanescente do título. A única exceção é a LFT, que dia a dia, é corrigida pela taxa Selic.
Características
• Remuneração pré ou pós-fixada;
• Liquidez diária pelo Tesouro Direto e cotação diária pela Mesa de Operações da XP, tanto para venda quanto para compra;
• Investimentos com diferentes prazos e objetivos como: caixa, geração de renda e para evitar a depreciação de capital no longo prazo.





Independência Financeira

 

Renda Fixa

Por meio da XP investimentos nosso clientes tem acesso aos mais diversos produtos financeiros e dentre eles destacamos:
 
 

AÇÕES


Um pedaço de uma empresa, uma fração de seu capital que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, mas vai depender das cotações nos mercados.




ALUGUEL (BTC)


A sigla BTC significa Banco de Títulos CBLC.
O empréstimo de Ações consiste em emprestar ativos (aluguel na ponta doadora) a uma taxa prefixada (fixada no fechamento da operação, considerando o valor pro rata) para um determinado vencimento. O investidor que é contraparte (tomador) tem como objetivo utilizar os ativos para realizar operações vendidas, apostando na queda das ações.
No dia seguinte (D+1) do vencimento do contrato, o investidor tomador paga a taxa acordada ao doador dos ativos acrescido dos emolumentos cobrados pela BM&FBovespa. Vale lembrar que nessa operação não há custo para o investidor doador dos ativos.




BDR


Brazilian Depositary Receipts - BDRs são certificados de depósito, emitidos e negociados no Brasil, com lastro em valores mobiliários de emissão de companhias estrangeiras.
- O BDR patrocinado é emitido por uma instituição depositária contratada pela companhia estrangeira emissora dos valores mobiliários e pode ser classificado como Nível I, Nível II ou Nível III.
- O BDR não patrocinado é emitido por uma instituição depositária, sem envolvimento da companhia estrangeira emissora dos valores mobiliários lastro, e só pode ser classificado como Nível I.




ESTRUTURADAS


Os produtos estruturados são pacotes de cenários montados com derivativos para atender a demanda do investidor. Podem ser usados para proteção, otimização, participação, geração ou aceleração de retornos. Os produtos estruturados podem ser customizados de acordo com a necessidade e perfil de cada cliente, podendo estar ligados a diferentes classes de ativos, como ações, índices, moedas e commodities. Um grande diferencial da XP é dar acesso a pessoas físicas a estruturas sofisticadas, com tickets mínimos bastante baixos.




ISHARE (ETFS)


Os iShares são uma família de Fundos de Índice (Fundos de Investimento em Índice de Mercado), conhecidos em outros países como ETFs (Exchange Traded Funds). Cada Fundo de Índice iShares busca retornos de investimento que correspondam, de forma geral, ao desempenho de um determinado índice de referência. Assim como as ações, as cotas de Fundos de Índice iShares são fáceis de serem adquiridas, oferecem liquidez diária e são negociáveis em Bolsa.




MERCADO FUTURO


Mercado como outro qualquer que conta com a presença de vendedores e compradores influenciados pela oferta e demanda dos ativos negociados. A diferença é que, em vez de ativos à vista, são negociados contratos para liquidação em uma data futura específica, previamente autorizada. Espera-se que o preço do contrato futuro de uma determinada ação seja equivalente ao preço à vista, acrescido de uma fração correspondente à expectativa de taxas de juros entre o momento da negociação do contrato futuro de ações e a respectiva data de liquidação do contrato.
Margem de garantia
É um dos instrumentos de salvaguarda financeira utilizado pelo mercado futuro. Trata-se de depósito (em dinheiro ou em ativos aceitos pela Bolsa) exigido de todos os clientes para abrir suas posições. Portanto, para entrar na compra ou na venda de um contrato futuro, você não precisa do valor total desse contrato, mas somente de uma margem depositada na conta. Por isso os contratos futuros podem ser tão alavancados.
Ajuste de posição
Mecanismo por meio do qual as posições mantidas pelos clientes, nos mercados futuros, são acertadas financeiramente todos os dias, conforme apresentem ganho ou perda em relação ao preço de ajuste do dia anterior. As posições em aberto ao final de cada pregão serão ajustadas com base no preço de ajuste do dia, determinado segundo regras estabelecidas pela Bolsa, com movimentação financeira no dia útil subsequente. O ajuste diário das posições em aberto será realizado até o dia útil anterior ao dia de alocação do Aviso de Entrega.




OFERTA PÚBLICA


A Oferta Pública, também conhecida como IPO, ocorre quando uma empresa decide fazer a abertura de seu capital por diversos motivos, como captar recursos financeiros para financiar novos investimentos da companhia.
1) Essa empresa procura por uma instituição financeira para prestar o serviço de emissão de ações, conhecido como Lançamento de Ofertas Primárias.
2) Ocorre a emissão de ações no Mercado Primário, conhecido como Oferta Pública.
3) Após o processo de IPO (período de reserva, bookbuilding e liquidação), as ações da empresa começam a ser negociadas no mercado da Bolsa de Valores.
A Oferta Pública também acontece quando os investidores ou acionistas transacionam ações de sua titularidade no mercado; nesse caso, ocorre o lançamento de Ofertas Secundárias.




OPÇÕES


Alternativa de investimento baseada em um outro ativo. Nessa operação, o comprador adquire o direito de comprar (opção de compra ou call) ou de vender (opção de venda ou put) uma quantidade específica de um determinado bem ou instrumento financeiro a um preço fixado (preço de exercício), numa data (data de expiração) determinada (opções de estilo europeu), ou durante o período que até ela decorra (opções de estilo americano), pagando, por isso, um dado preço (prêmio). O vendedor assume a obrigação de vender ou comprar o referido ativo, nas condições definidas, no caso de o comprador decidir exercer o seu direito.




TERMOS


Como comprador ou vendedor do contrato a termo, você se compromete a comprar ou vender certa quantidade de um bem (mercadoria ou ativo financeiro) por um preço fixado ainda na data de realização do negócio. A data de realização do negócio e a realização são pré-estabelecidas para uma data futura. Os contratos a termo somente são liquidados integralmente no vencimento. Podem ser negociados em Bolsa e no mercado de balcão.





Renda Variável

FALE CONOSCO COMO PREFERIR:

Rua Afonso Braz, 900

Conj. 144>145>146 

+55 11 3044-1199

OUVIDORIA XP Investimentos: 0800-722-3710